Pular para o conteúdo principal
Quer ser bem-sucedido? Faça menos, diz autor inglês
"Mais produtividade, menos estresse, mais alegria".
 
É com essa frase que o consultor inglês Greg McKeown resume as promessas da filosofia que batiza seu recente best-seller, “Essencialismo: A disciplinada busca por menos” (Editora Sextante, 2015).
O profissional "essencialista", explica McKeown, é aquele que vê claramente a diferença entre o desnecessário e o indispensável.
ADVERTISEMENT

A teoria soa simples: ao dizer “não” a tarefas irrelevantes, você investe toda a sua energia só naquilo que é essencial. Como resultado, o seu desempenho vai às alturas. 
A prática pode ser mais complicada, mas McKeown, nomeado um dos “Jovens Líderes Globais” pelo Fórum Econômico Mundial, procura viver o que prega.
 
Para escrever o livro, ele trabalhou por nove meses em “modo monge”, isolado num escritório privado no quintal de sua casa em Menlo Park, Califórnia.
 
“Escrevia sem distrações das 4 da manhã até o meio dia, mas fazia intervalos, dormia oito horas por noite, tinha tempo para os meus filhos. Foram meses muito felizes”, conta o autor.
A capacidade de se concentrar apenas no essencial, defende o britânico, é o segredo para o sucesso em um mundo hiperconectado e cada vez mais abarrotado de informações, opiniões e tarefas.

Postagens mais visitadas